Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Costa defende ação climática com transição inclusiva sem "deixar ninguém para trás"

Primeiro-ministro sustentou que "é inegável" a existência de "um nexo entre o clima e a segurança".
Lusa 22 de Setembro de 2022 às 23:06
António Costa
António Costa FOTO: Reuters
O primeiro-ministro, António Costa, defendeu esta quinta-feira nas Nações Unidas a urgência da ação climática, mas com uma transição inclusiva, sem "deixar ninguém para trás".

António Costa falava no debate geral entre chefes de Estado e de Governo da 77.ª sessão da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), encontro marcado pela invasão russa da Ucrânia e as suas consequências globais.

Numa intervenção em português, o primeiro-ministro sustentou que "é inegável" a existência de "um nexo entre o clima e a segurança".

António Costa Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas política organizações internacionais
Ver comentários