Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Criança explica o que é Síndrome de Asperger e torna-se viral

"Não sou louco, nem 'freak', nem estranho", afirma o menino de oito anos.
26 de Dezembro de 2017 às 16:27
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral
Video de criança a explicar o que é Sindrome de Asperger torna-se viral

Um menino colombiano, de oito anos, sofre de Síndrome de Asperger e partilhou um vídeo a explicar a doença, que se tornou viral nas redes sociais. Num mês, teve mais de 7,5 milhões de visualizações.

"Ter Asperger não é uma doença. Não sou louco, nem 'freak', nem estranho. A minha maneira de receber e processar a informação é que é diferente", explica Federico García Villegas, no vídeo partilhado no Facebook.

Segundo a Associação Portuguesa de Síndrome de Asperger, esta doença é "uma perturbação neuro comportamental de base genética. Pode ser definida como uma perturbação do desenvolvimento que se manifesta por alterações sobretudo na interação social, na comunicação e no comportamento".

"Sou um menino como outro qualquer, com sonhos e ilusões. Só quero que me conheçam e me ajudem a encaixar na sociedade", pede Federico.

Quem tem Síndrome de Asperger tem "os sentidos mais apurados. Eu escuto todos os sons ao mesmo tempo. Por isso, às vezes, sinto-me em choque e sinto-me em sobrecarga. Se queres que saiba algo, conta-me com as tuas palavras. Não entendo muito bem a linguagem não-verbal", esclarece.

A mãe da criança, Andrea Villegas, gravou o vídeo e é gestora da conta de Facebook "Sou diferente, sou como tu", que retrata o dia-a-dia de Federico e é um apoio para os pais das crianças com esta doença.

"Federico sentia necessidade de explicar-se, porque se sentia incompreendido pelos seus colegas da escola", explicou Andrea ao jornal espanhol El País, como forma de justificar a criação da página. 

A mãe de Federico diz que tentou explicar ao filho o impacto do vídeo, que foi visto por milhares de pessoas em todo o mundo e obteve milhares de reações. "Mas não sei se ele entende a magnitude do que alcançou", rematou.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)