Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Crise leva Isabel II a cancelar festa de Natal

A crise toca a todos e chega a todo o lado. E nem a histórica monarquia britânica está a salvo. Num exemplo de como poupar, a rainha Isabel II decidiu cancelar a recepção que costuma dar de dois em dois anos aos empregados por ocasião do Natal.

14 de Outubro de 2010 às 13:04
Rainha cancelou festa para 1200 funcionários
Rainha cancelou festa para 1200 funcionários FOTO: d.r.

“Tendo em conta o actual ambiente económico, foi considerado oportuno  mostrar uma certa contenção", declarou um porta-voz do palácio de Buckingham, residência londrina da rainha.

A festa estava prevista para 13 de Dezembro e cerca de 1200  empregados domésticos, incluindo secretários, tinham sido convidados, segundo o jornal britânico ‘The Sun’. A ‘Christmas Party’, financiada com fundos privados da rainha, custa  cerca de 50 000 libras (57 mil euros), segundo o jornal.

O governo britânico impôs em Junho um programa de austeridade sem precedentes, que visa eliminar a quase totalidade do défice público e nem a família real foi poupada à austeridade. Os fundos públicos destinados a cobrir as despesas correntes da rainha e do marido foram congelados.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)