Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Daesh reivindica ataque a santuário xiita

Atentado aconteceu no Iraque.
8 de Julho de 2016 às 12:53
No ataque morreram mais de 30 pessoas
No ataque morreram mais de 30 pessoas FOTO: Thaier Al-Sudani/Reuters
O grupo extremista Daesh reivindicou o ataque desta sexta-feira contra um santuário xiita em Balad, no Iraque, que matou mais de 30 pessoas, noticiou a agência Amaq, ligada ao grupo 'jihadista'.

Segundo a agência, bombistas suicidas do Daesh atacaram o mausoléu do imã xiita Said Mohamed, combatendo as forças iraquianas no local e acionando depois os explosivos que transportavam.

Pelo menos 30 pessoas morreram, entre as quais três crianças, e 70 ficaram feridas, segundo fontes médicas citadas por agências internacionais.

O santuário situa-se na zona de Balad, cerca de 70 quilómetros a norte de Bagdad, onde no domingo um atentado numa zona comercial fez 292 mortos e mais de 200 feridos.


Iraque Bagdad distúrbios guerras e conflitos terrorismo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)