Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Deixa filha ser violada com medo de terminar relação com agressor

Mulher enganou a filha. Homem pediu uma "versão mais nova" da mãe.
1 de Fevereiro de 2018 às 12:35
Menina
Mulher
Menina
Menina
Mulher
Menina
Menina
Mulher
Menina
Uma mãe levou a filha adolescente a um quarto de hotel onde esta foi violada por um estranho. No final, abraçou-a e disse-lhe que ia ficar tudo bem.

A mulher viajou com a jovem de 16 anos de autocarro para Queensland, na Austrália. Quando chegaram ao destino, a mãe deixou a filha nas mãos de um homem chamado 'Thommo' que tinha conhecido online.

O homem tinha dito à mãe da adolescente que queria fazer sexo com "uma versão mais nova de si". A mulher acabou por entregar-lhe a própria filha, com medo que este terminasse a relação que mantiam através da Internet.

A mulher enganou a filha, dizendo-lhe que iam fazer uma "viajem de mulheres". Ofereceu-lhe vodka para beber antes de chegarem ao hotel.

Após o incidente, a mãe acabou por se declarar culpada. Em sua defesa, o advogado alegou que esta se sentia profundamente arrependida, uma vez que não sabia que a filha iria ser violada.

A mulher foi condenada a quatro anos de prisão. A filha garante que a mãe lhe roubou a infância.
Austrália Thommo Queensland Internet advogado crime lei e justiça crime questões sociais crimes sexuais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)