Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Deputados russos querem proibir gays de dar sangue

Os gays na Rússia poderão ser impedidos de dar sangue, se a Câmara dos Deputados aprovar um diploma defendido pelo Partido Liberal Democrático, que quer proibir os homossexuais desta prática
27 de Agosto de 2013 às 14:30

A Câmara dos Deputados da Rússia vai estudar a possibilidade de proibir gays de dar sangue,  informou na passada segunda-feira o vice-presidente da agência de Ciências do Estado, Mijaíl Degtiariov. O também deputado justifica a medida, dizendo que ajudará a conter a propagação do virus da SIDA.

 “Vamos propor alterações na lei sobre a doação e nos regulamentos do Ministério da Saúde para restabelecer a homossexualidade da lista de contra-indicações para dar sangue”, disse Mijaíl Degtiariov, do Partido Liberal Democrático da Rússia. O deputado alega que a iniciativa não pode ser considerada discriminatória porque, de acordo com os seus dados, “65% das pessoas infectadas com HIV são gays."

Degtiariov revelou também que a Câmara dos Deputados irá considerar um projeto de lei que prevê que o Estado suporte os custos da primeira consulta médica para quem "quer mudar a sua orientação de homossexual para heterossexual".

Os homossexuais podem dar sangue na Rússia desde 2008, sendo que podem agora perder esse direito.

Gays sangue Rússia dador proibir
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)