Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Detida por infanticídio em Barcelona

Uma holandesa de 24 anos foi detida sob suspeita de ter matado o seu filho, depois de se ter submetido a um aborto numa clínica de Barcelona, num estado avançado de gestação.
8 de Dezembro de 2007 às 00:00
Segundo um porta-voz do Ministério Público da localidade holandesa de Den Bosch, foi detida uma mulher, no mês passado, e levada perante o juiz por assassinato ou infanticídio e, desde então, está presa. “Suspeita-se de que cometeu um aborto ilegal em Barcelona” – confirma a fonte oficial.
Na Holanda, o aborto é legal até às 24 semanas de gestação e não é muito frequente as autoridades deterem um cidadão nacional por um delito cometido fora do território holandês. Mesmo assim, a fonte nega que a detenção esteja relacionada com as investigações às clínicas de Barcelona.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)