Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Dezenas de milhares protestam contra presidente egípcio

Dezenas de milhares de egípcios concentraram-se esta sexta-feira no centro do Cairo para protestar contra o presidente Mohamed Morsi, algumas horas depois da aprovação rápida de um projecto de Constituição por uma comissão dominada pelos islâmicos.
30 de Novembro de 2012 às 18:37
Milhares protestam no centro do Cairo contra o presidente egipcio
Milhares protestam no centro do Cairo contra o presidente egipcio FOTO: EPA

"Abaixo a comissão constituinte", gritava a multidão na praça Tahrir, enquanto alguns manifestantes seguravam cartazes a criticar "a ditadura" do chefe de Estado e da formação de que é originário, a Irmandade Muçulmana. Vários desfiles, liderados por personalidades da oposição, convergiram para aquela praça no centro da capital, registando-se igualmente manifestações em numerosas outras cidades egípcias.

Após meses de bloqueio, os 234 artigos do projecto de Constituição foram aprovados por uma comissão constituinte, convocada de urgência para a votação, numa sessão que começou na tarde de quinta-feira e que só terminou na madrugada desta sexta-feira. O texto deve ser entregue a Morsi para que se organize um referendo dentro de duas semanas. A nova lei fundamental substituirá a Constituição suspensa após a queda do presidente Hosni Mubarak em Fevereiro de 2011.

A oposição liberal e laica, tal como os cristãos coptas, boicotaram os trabalhos da comissão, acusando-a de pretender dar particular importância aos pontos de vista dos islâmicos. A organização de defesa dos direitos humanos Human Rights Watch considerou que o projecto "protege alguns direitos, mas prejudica outros", lamentando a "aprovação precipitada". Segundo a Amnistia Internacional, o projecto "ignora os direitos das mulheres, limita a liberdade de expressão em nome da protecção da religião e permite aos militares julgarem civis".

EGIPTO CAIRO PROTESTOS NOVO PRESIDENTE
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)