Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Dezenas de pessoas correm de salto altos em celebrações do Orgulho Gay

Partido de extrema-direita quer acabar com evento.
6 de Julho de 2019 às 12:12
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay
Dezenas de pessoas correram de saltos altos em celebrações do Orgulho Gay

Dezenas de homens e mulheres correram com sapatos de salto alto pelo centro da capital espanhola, na passada quinta-feira. O calor foi desafiante para os participantes que acabaram também por desafiar as tentativas do partido de extrema-direita Vox de encerrar as celebrações do Orgulho Gay.

A corrida em Chueca, um bairro no centro de Madrid, atrai competidores do estrangeiro e é uma das partes mais esperadas do festival anual da comunidade de lésbicas, gays, bissexuais e transgéneros (LGBT).

Alcançar a linha de chegada não é tarefa fácil, pois as regras determinam que os saltos devem ter pelo menos 10 cêntimetros de altura e os sapatos são medidos antes da corrida.

De acordo com a agência de notícias britânicas Reuters, o partido Vox quer mover a Pride Parade do centro da cidade para um parque nos subúrbios.

O diretor regional da Vox, Rocio Monasterio, disse, na passada terça-feira, à estação televisiva espanhola TV La Contra, que as comemorações denegriam a dignidade das pessoas.

"Quando uma mãe e um pai saem de casa, não há razão para tropeçar neste espetáculo, que envolve atos sexuais explícitos na rua durante o dia", acrescentou.

Javier Garcia, uma enfermeira de 23 anos, quer que a corrida permaneça no centro de Madrid para manter o evento visível ao público.

"As pessoas ainda precisam lutar e tornar visíveis certas desigualdades que ainda não estão totalmente resolvidas", revelou.

O vencedor da corrida recebe 350 euros.


 

Orgulho Gay partido vox LGBT questões sociais política Espanha
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)