Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Dilma tenta ser menos agressiva

Tentando diminuir a forte rejeição que tem fora do universo dos eleitores do Partido dos Trabalhadores, a candidata presidencial Dilma Rousseff transformou radicalmente o estilo agressivo para tentar parecer mais humilde, simpática e popular. Acusada de ser extremamente técnica e agressiva, a ex-ministra da Presidência tem copiado nos últimos dias frases-chave normalmente usadas por Lula da Silva e que agradam ao eleitorado mais popular, e o seu jeito de falar passou a ser menos seco.
6 de Abril de 2010 às 00:30
Dilma, candidata do Partido Trabalhista
Dilma, candidata do Partido Trabalhista FOTO: Ricardo Moraes/Reuters

A candidata, que nos seus discursos e principalmente nas entrevistas falava co-mo se estivesse prestes a ser atacada e pronta para dar troco, agora usa um tom mais suave, e por vezes consegue até esboçar um sorriso.

A mudança começou a ser concretizada no final de 2008, quando Lula da Silva a escolheu para sua sucessora. Nessa altura, Dilma fez uma cirurgia plástica para amenizar a expressão do rosto. Depois, ao longo de 2009 outras mudanças foram implementadas. Entre elas, Dilma deixou de usar fatos escuros e passou a vestir roupas mais femininas e suaves, algumas até coloridas, e trocou os velhos óculos com armação antiga e pesada por lentes de contacto.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)