Diretora financeira da Huawei detida no Canadá

Detenção a pedido dos EUA surge durante tréguas na guerra comercial com a China.
Por Francisco J. Gonçalves|07.12.18

A responsável financeira do gigante chinês de telecomunicações Huawei foi detida no Canadá e poderá ser extraditada para os EUA. Meng Wanzhou é filha do fundador da marca e desconhece–se os motivos da sua detenção, em boa parte porque os tribunais aceitaram o seu pedido para que a publicação de detalhes seja bloqueada.

Meng foi detida no passado dia 1 em Vancouver, Canadá, a pedido dos EUA. O momento da captura coincide com o início da trégua de 90 dias na guerra comercial entre EUA e China, acordada entre Donald Trump e Xi Jinping na cimeira do G20, na Argentina.

Apesar de as razões não terem sido reveladas, sabe-se que a Huawei era investigada por violar as sanções ao Irão e à Coreia do Norte. Em causa estaria a revenda de computadores e outros produtos tecnológicos dos EUA a esses países. 

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!