Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Dirigente separatista ganha eleições em Donetsk

O presidente ucraniano, Petro Porochenko, considerou as eleições "uma farsa".
2 de Novembro de 2014 às 20:06
Alexandre Zakhartchenko
Alexandre Zakhartchenko FOTO: Maxim Zmeyev / Reuters

O "primeiro-ministro" da república autoproclamada de Donetsk, Alexandre Zakhartchenko, foi eleito este domingo "presidente" desta região separatista da Ucrânia com 81,37% dos votos, de acordo com uma sondagem à boca das urnas divulgada pela comissão eleitoral local. 

O partido "República de Donetsk", de Zakhartchenko, obteve 65,11% dos votos nas eleições legislativas, de acordo com a mesma fonte. 

As regiões separatistas pró-russas de Donetsk e Lugansk, no leste da Ucrânia, votaram hoje para escolher os presidentes e parlamentos regionais, eleições que visam legitimar a independência declarada unilateralmente mas é considerada ilegal por Kiev. Em Lugansk, Igor Plotnitski, um ex-militar de 50 anos, deverá igualmente ser confirmado nas suas funções de dirigente.

O presidente ucraniano, Petro Porochenko, considerou as eleições "uma farsa" e disse que a Ucrânia "responderá de forma adequada". Estas eleições realizam-se uma semana depois das legislativas ucranianas de 26 de outubro, boicotadas pelos separatistas, de que saíram vencedores os dois principais partidos ucranianos pró-europeus.

Ucrânia Donetsk separatista vence eleições
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)