Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Discriminação dá tribunal em Espanha

Diretor de colégio recusou filho de casal 'gay'.
Francisco J. Gonçalves 17 de Outubro de 2014 às 13:21
Casal homossexual
Casal homossexual

O diretor e a responsável de matrículas de um colégio privado de Sevilha, Espanha, vão ser julgados por recusarem inscrever o filho de um casal de homossexuais.


Iván Vallejo e Ricardo Lucas contam que há dois anos, quando tentaram matricular o filho de três anos no colégio Yago School a direção da escola disse não ter vagas. No entanto, quando um deles voltou a tentar, ocultando o facto de ser homossexual e viver com outro homem, já havia vagas.


O diretor e a responsável de admissões da escola são agora acusados de delito "contra os direitos fundamentais e as liberdades públicas garantidas pela Constituição".

espanha tribunal gay processo
Ver comentários