Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Distúrbios em universidade

Pelo menos nove pessoas ficaram feridas na quarta-feira à noite num tiroteio na Universidade Central da Venezuela (UCV), em Caracas.
9 de Novembro de 2007 às 00:00
Homens armados invadiram uma universidade em Caracas
Homens armados invadiram uma universidade em Caracas FOTO: Edwin Montilva/Reuters
Os confrontos, segundo Eleazar Narváez, vice-reitor da UCV, ocorreram quando um grupo de encapuzados armados entrou na Escola de Trabalho Social daquela universidade e disparou contra os estudantes que regressavam de uma marcha contra a reforma constitucional que se prevê que seja referendada a 2 de Dezembro.
Segundo fontes da UCV, a Escola de Trabalho Social (ETS) foi tomada desde as 15h00 locais (19h00 em Lisboa) por grupos de indivíduos que afirmaram ser afectos ao regime do presidente Hugo Chávez. Os atacantes queimaram um autocarro da UCV e mantiveram sequestrados vários funcionários e estudantes no terceiro andar da ETS.
Os reféns acabaram por ser libertados e o ministro do Interior e da Justiça, Pedro Carreño, manifestou publicamente o repúdio do governo pelos actos de violência na Universidade.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)