Dívida pública dos EUA supera os 22 biliões de dólares pela primeira vez

Valor supera em 10,3% o valor de 19,95 biliões de dólares existentes quando Donald Trump assumiu a Presidência do país.
13.02.19
  • partilhe
  • 1
  • +

A dívida pública dos Estados Unidos da América (EUA) passou um novo limiar e superou os 22 biliões (milhão de milhões) de dólares (19 biliões de euros) pela primeira vez.

A informação diária do Departamento do Tesouro mostrou hoje que a dívida pública total dos EUA subiu para os 22,01 biliões de dólares.

Este valor supera em 10,3% o valor de 19,95 biliões de dólares existentes quando Donald Trump assumiu a Presidência do país, em 20 de janeiro de 2017.

O nível da dívida acelerou desde a aprovação pelo Congresso em dezembro de 2017 dos cortes de impostos, em 1,5 biliões de dólares, propostos pelo Governo de Donald Trump, e do aumento das despesas, designadamente militares, decidido pelos congressistas em 2018.

O Serviço do Congresso para o Orçamento (CBO, na sigla em inglês) prevê que o défice orçamental para este ano fiscal seja de 897 mil milhões de dólares, mais 15,1% do que o registado no ano anterior, quando foi de 779 mil milhões.

Para os próximos anos, as previsões do CBO apontam para a continuação da subida do défice, ultrapassando o bilião de dólares em 2022 e nunca caindo abaixo desse valor até 2029.

O Governo de Trump garantiu que a redução de impostos paga-se a si próprio, por estimular o crescimento económico. Esta afirmação, porém, é contestada por muitos economistas.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!