Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Dois ex-candidatos à presidência da Bielorrússia condenados a prisão

Dois ex-candidatos ao cargo de Presidente da Bielorrússia, Nikolai Statkevitch e Dmitri Uss, foram esta quinta-feira condenados a penas de seis e cinco anos e meio de prisão em cadeias de alta segurança.
26 de Maio de 2011 às 16:12
Dois opositores ao Presidente Alexandre Lukachenko (na foto) foram considerados culpados da organização de desordens maciças em Minsk
Dois opositores ao Presidente Alexandre Lukachenko (na foto) foram considerados culpados da organização de desordens maciças em Minsk FOTO: Reuters

Os dois opositores ao Presidente Alexandre Lukachenko foram considerados culpados da organização de desordens maciças em Minsk, a 19 de Dezembro de 2010, quando milhares de pessoas protestaram contra a reeleição do chefe de Estado. 

A 14 de Maio, o principal candidato da oposição às eleições presidenciais de Dezembro na Bielorrússia, Andrei Sannikov, foi condenado a cinco anos de prisão por acusações semelhantes. Outros três arguidos foram condenados a três anos e meio de prisão.  

Dois dias depois, a jornalista Irina Khalip, esposa de Sannikov, foi condenada a dois anos de prisão, tendo o cumprimento da pena sido adiado por dois anos.  

Bielorrússia Lukachenko prisão presidente candidatos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)