Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Duas pessoas detidas em protesto anti-Trump

Manifestação aconteceu na Universidade de Pittsburgh.
18 de Novembro de 2016 às 17:20
Universidade de Pittsburgh, protesto, Donald Trump, Joseph Miksch, polícia, manifestação
Universidade de Pittsburgh, protesto, Donald Trump, Joseph Miksch, polícia, manifestação FOTO: Reuters
Duas pessoas que protestaram na noite de quinta-feira na Universidade de Pittsburgh (estado norte-americano da Pensilvânia) contra a eleição de Donald Trump foram detidas por agressões agravadas contra elementos das forças de segurança, foi hoje divulgado.

Os desacatos aconteceram quando os agentes da polícia do campus universitário tentavam controlar cerca de 100 manifestantes concentrados junto das instalações do dormitório da Universidade de Pittsburgh.

O porta-voz das forças de segurança locais, Joseph Miksch, disse que os dois manifestantes, uma estudante de 23 anos e um jovem de 20 anos, foram detidos depois de a polícia do campus universitário ter pedido para não entrarem no átrio do edifício do dormitório.

A polícia indicou que a estudante de 23 anos empurrou a bicicleta do agente de patrulha contra a multidão e insultou o elemento das forças de segurança. O outro jovem agarrou o colete protetor do agente.

Alguns manifestantes acusaram a polícia do uso de violência, mas as forças policiais argumentaram que os participantes do protesto entoaram cânticos anti-polícia e que foram responsáveis por agressões.

Os protestos anti-Trump têm sido quase diários nos Estados Unidos desde que o candidato republicano ganhou as eleições de 08 de novembro.
Universidade de Pittsburgh protesto Donald Trump Joseph Miksch polícia manifestação
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)