Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

"É importante e legal" espaços separados para homens e mulheres: Reino Unido quer abolir casas de banho mistas

Nas escolas as crianças recusam-se a ir à casa de banho porque só têm acesso a instalações conjuntas para pessoas do mesmo género. 
3 de Julho de 2022 às 11:50
Casa de banho pública
Casa de banho pública FOTO: Getty
O governo do Reino Unido prepara-se para apresentar formalmente um projeto para que deixem de ser construídas casas de banho para pessoas do mesmo sexo em escritórios, escolas, hospitais e locais de entretenimento. Este movimento surge para controlar a "partilha forçada" das instalações neutras pelos cidadãos que não se sentem a vontade para partilhar o espaço, avança o jornal Telegraph

A ministra da igualdade e líder deste plano, Kemi Badenoch foi informada de que nas escolas as crianças recusam-se a ir à casa de banho porque só têm acesso a instalações conjuntas para pessoas do mesmo género. 

"É importante e legal" a construção de espaços separados para homens e mulheres, refere Kemi Badenoch. 

O secretário de habitação, Robert Jenrick, indica ainda que as mulheres têm menos privacidade e que as filas para ir à casa de banho são agora bastante maiores, acrescenta a imprensa. 

O jornal britânico alerta também que as mulheres acabam por estar "desfavorecidas", pois muitas das vezes as sanitas estão ocupadas e existem apenas urinóis para seres utilizados.  
Ver comentários
}