Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Eleições primárias da Fatah suspensas

O Presidente palestiniano, Mahmoud Abbas, ordenou esta terça-feira a suspensão das eleições primárias da Fatah, o seu movimento, com vista às legislativas marcadas para Janeiro de 2006, por alegadas fraudes detectadas no decurso do processo, anunciou uma fonte oficial do partido.
29 de Novembro de 2005 às 11:02
“Abbas deu instruções ao comité eleitoral para parar todo o processo em todas as áreas devido a uma fraude de grandes proporções”, anunciou Ahmed al-Deek, um responsável da Fatah, que acusa algumas forças da segurança de cumplicidade na fraude.
A decisão de suspender as eleições primárias está a ser interpretada como uma demonstração do controlo que Abbas tem sobre o movimento. Ontem, as primárias já tinham sido suspensas em quatro das cinco circunscrições da Faixa de Gaza na sequência de vários incidentes.
Homens armados invadiram algumas assembleias de voto, queimaram urnas e efectuaram disparos para o ar, obrigando a encerrar as instalações onde decorria a votação. De acordo com testemunhas, os homens armados, membros da Fatah, protestavam contra alegadas irregularidades nas listas de voto.
Sábado passado, decorreram as primárias na Cisjordânia. Na cidade de Ramallah, Marwan Barghutti, um dos líderes da Fatah detidos em prisões israelitas, condenado a prisão perpétua por envolvimento em atentados terroristas, venceu impondo-se por esmagadora os restantes candidatos. Resta agora saber se estes resultados vão ou não ser validados.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)