Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Eleições regionais na Alemanha representam desafio sério ao governo de Scholz

Chanceler alemão perdeu popularidade pelas decisões tomadas perante a guerra na Ucrânia.
Lusa 14 de Maio de 2022 às 08:54
O chanceler alemão, Olaf Scholz
O chanceler alemão, Olaf Scholz FOTO: John Macdougall/ Pool via REUTERS
O estado federado da Renânia do Norte-Vestefália, o mais populoso da Alemanha, tem eleições marcadas para domingo, com uma possível vitória da União Democrata-cristã (CDU) a desafiar seriamente o governo de Olaf Scholz.

Com um índice de popularidade desgastado pela atuação da Alemanha em relação à guerra na Ucrânia, o líder do executivo formado pela 'coligação semáforo' (Partido Social Democrata, Verdes e Liberais), espera poder ganhar o escrutínio do próximo domingo e reforçar o seu poder.

Martin Kessler, editor de política do jornal Rheinische Post, com sede em Dusseldorf, capital da Renânia do Norte-Vestefália, esclarece que esta ida às urnas é vista como "uma espécie de amostra de uma eleição federal".

Alemanha União Democrata-cristã Olaf Scholz Norte-Vestefália Renânia política eleições
Ver comentários