Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Empresas chinesas realizaram 9.420 fusões e aquisições

Valor recorde em 2015.
27 de Janeiro de 2016 às 10:47
Bandeira da China
Bandeira da China FOTO: Reuters

As empresas chinesas participaram em 2015 num valor recorde de 9.420 fusões e aquisições, tanto entre empresas nacionais, como de entidades chinesas além-fronteiras ou empresas estrangeiras na China, um acréscimo de 37% face a 2014.


O valor somado daquelas operações alcança os 733.700 milhões de dólares (674.573 milhões de euros), um aumento homólogo de 84%, segundo os dados da consultora PricewaterhouseCoopers (PwC) citados na imprensa local.


Este acréscimo deve-se sobretudo à expansão deste tipo de operações na China, com 4.819 acordos concluídos por compradores chineses durante o ano passado e outros 354 impulsionados por compradores estrangeiros no país.


Contabilizam-se ainda 3.797 operações levadas a cabo por empresas de capital de risco, quase o dobro do registado em 2014.


Já o número de fusões e aquisições realizadas em 2015 por empresas chinesas além-fronteiras cresceu cerca de 40%, face ao ano anterior, para um total de 382, contabilizando 55.700 milhões de dólares (51.237 milhões de euros).


A consultora PWC prevê que o aumento deste tipo de operações por empresas da China se fixe nos dois dígitos em 2016.


"A transformação económica e a abundância de liquidez no mercado interno contribuíram para fomentar as fusões e aquisições na China em 2015", apontou Roger Liu, responsável pela pesquisa. 


Os setores mais afetados por aquele tipo de operações foram os relacionados com serviços financeiros e de tecnologia.

China fusões aquisições
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)