Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Equipa chinesa quer testar vacina contra coronavírus em menos de 40 dias

Pelo menos 106 pessoas morreram e mais de quatro mil foram infetadas pelo novo coronavírus.
Lusa 28 de Janeiro de 2020 às 15:53
China vírus vacina
China vírus vacina

A equipa chinesa que trabalha no desenvolvimento de uma vacina para combater o coronavírus de Wuhan disse esta terça-feira que espera poder começar os testes em menos de 40 dias, informou a agência estatal Xinhua.

Pelo menos 106 pessoas morreram e mais de 4.000 foram infetadas pelo novo coronavírus detetado no final do ano em Wuhan, capital da província de Hubei, no centro da China.

No projeto da vacina, anunciado há apenas dois dias, participam o Hospital Oriental de Xangai – ligado à Universidade Tongji – e a empresa de biotecnologia da cidade Stemirna Therapeutics.

Li Hangwen, conselheiro delegado da empresa, disse hoje que não serão necessários mais de 40 dias para fabricar as amostras da vacina, que serão então enviadas para realizar os testes nos centros médicos, mas não indicou uma data para a sua chegada ao mercado.

A farmacêutica norte-americana Johnson& Johnson também começou a desenvolver uma vacina, embora os prazos indicados pelo chefe da sua equipa científica, Paul Stoffels, sejam bastante menos otimistas.

Stoffels referiu que poderá ser necessário um ano para o produto chegar ao mercado.

Wuhan Xinhua Paul Stoffels economia negócios e finanças saúde epidemias e pragas
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)