Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Equipa de Lula da Silva acusa Bolsonaro de falir o Brasil

Ex-ministro Aloizio Mercadante indica que a política externa do atual Governo "deve 5 mil milhões de reais (cerca de 950 milhões de euros) a várias organizações internacionais".
Lusa 6 de Dezembro de 2022 às 21:57
Lula da Silva
Lula da Silva FOTO: Rodrigo Antunes/Reuters
A equipa de transição do Presidente eleito do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, denunciou esta terça-feira uma situação financeira "dramática" em áreas como saúde e educação, e acusou o Governo do Presidente cessante, Jair Bolsonaro, de ter falido o país.

"O Governo Bolsonaro levou o Estado brasileiro à falência. Estamos observando que os serviços essenciais estão paralisados ou correm o risco de serem totalmente comprometidos", disse o ex-ministro Aloizio Mercadante numa conferência de imprensa em Brasília.

Mercadante, coordenador dos grupos técnicos do novo Governo Lula da Silva, que assumirá o poder em 1 de janeiro de 2023, também disse que a política externa do atual Governo transformou o Brasil num "pária que deve 5 mil milhões de reais (cerca de 950 milhões de euros) a várias organizações internacionais".

Ver comentários
C-Studio