Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Rajoy recusa convocar eleições antecipadas após moção de censura

Governante acusou Sanchéz "de querer ser presidente a qualquer preço".
25 de Maio de 2018 às 13:47
Rajoy disse que é obrigação de todos os partidos políticos “reparar as fraturas” na sociedade catalã
Mariano Rajoy
Mariano Rajoy
Rajoy disse que é obrigação de todos os partidos políticos “reparar as fraturas” na sociedade catalã
Mariano Rajoy
Mariano Rajoy
Rajoy disse que é obrigação de todos os partidos políticos “reparar as fraturas” na sociedade catalã
Mariano Rajoy
Mariano Rajoy
O primeiro-ministro Mariano Rajoy, a enfrentar uma moção de censura apresentado pelo partido PSOE, afirmou durante uma conferência de imprensa no Palácio da Moncloa que não vai convocar eleições antecipadas.

O governante acusou ainda Pedro Sanchéz, o líder dos socialistas, de "querer ser presidente do Governo a qualquer preço".

Rajoy acredita que uma moção de censura só iria trazer instabilidade política ao país e iria prejudicar fortemente a recuperação económica do país. "É má para a Espanha", defende.
Espanha presidente do Governo Pedro Sanchéz Mariano Rajoy Palácio da Moncloa PSOE política governo (sistema)
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)