Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Espanha vai abater quase 100 mil martas infetadas com coronavírus

"O único objetivo é evitar riscos à população e à saúde pública", explicou Joaquín Olona, ministro da Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente.
Correio da Manhã 16 de Julho de 2020 às 17:11
Marta
Marta FOTO: Getty Images
Espanha vai abater quase 100 mil visons (ou martas), que estão infetados com coronavírus, na fazenda Puebla de Valverde, em Teruel, Aragão.

Segundo avança o El País, o Ministérios da Agricultura, Pecuária e Maio Ambiente avançou que 86% da exploração naquela fazenda está infetada com covid-19. O governo de Aragão vai, por isso, abater um total de 92.700 animais.

"A Direção Geral de Qualidade e Saúde Alimentar já ordenou a imobilização preventiva da fazenda a 22 de maio, quando sete dos trabalhadores testaram positivo ao covid", explicou Joaquín Olona, ministro da Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente em entrevista.

Desde esse momento, as martas foram monitorizadas, sendo proíbida a entrada e/ou saída de animais da fazenda. "O único objetivo [do abate de martas] é evitar riscos à população e à saúde pública", explicou.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Espanha Puebla de Valverde Teruel Aragão ambiente
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)