Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

"Esquece o PSL": Jair Bolsonaro abandona o próprio partido

Presidente brasileiro abandonou o Partido Social Liberal ao qual se filiou em 2018.
Correio da Manhã 9 de Outubro de 2019 às 19:39
Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro, o presidente do Brasil, decidiu cortar relações com o próprio partido, o Partido Social Liberal (PSL), ao qual se filiou em 2018. 

O presidente brasileiro fica assim sem qualquer força política associada a si, uma situação que não ocorria desde a redemocratização em 1988. Bolsonaro já comunicou a sua decisão aos aliados, uma medida que andaria a pensar há semanas. 

De acordo com o jornal brasileiro, o presidente do partido, Luciano Bivar, já reagiu. "Quando ele diz a um estranho para esquecer o PSL, mostra que já o esqueceu. Mostra que não tem mais nenhuma relação com o PSL", afirmou o dirigente partidário. 

Bivar refere-se a uma situação ocorrida esta terça-feira quando Jair Bolsonaro, ao ser cumprimentado por um apoiante perto da sua residência oficial, disse de forma discreta "para esquecer o PSL" acrecentando que Bivar "está queimado". 

Após a polémica, Bivar declarou ao portal de notícias G1 que Bolsonaro "já está afastado" e "esquecido" do partido.
Jair Bolsonaro PSL Partido Social Liberal Luciano Bivar política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)