Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Estado Islâmico liberta 37 reféns assírios cristãos

Maioria dos libertados são mulheres.
7 de Novembro de 2015 às 13:39
Membro da Daesh
Membro da Daesh FOTO: Direitos Reservados

O movimento extremista Estado Islâmico libertou este sábado 37 reféns assírios cristãos, a maioria mulheres, que estavam entre as mais de 200 pessoas sequestradas há mais de oito meses, disse uma organização não-governamental (ONG). 


O Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH) disse que o grupo de cristãos assírios libertados inclui 27 mulheres e 10 homens, na maioria idosos, que chegaram hoje de manhã à cidade de Tal Tamr, na região de Khabur, nordeste da Síria.


Segundo o OSDH a maior parte dos libertados são provenientes de outras cidades na região de Khabur.


Os ex-reféns pertenciam a um grupo de 220 sírios capturados quando o Estado Islâmico invadiu, em fevereiro, algumas zonas da região da Khabur..


De acordo com o OSDH, as libertações são o resultado de negociações levadas a cabo pela igreja, mas outros relatos sugerem que o Estado Islâmico foi pago para libertar os reféns.

Estado Islâmico Observatório Sírio dos Direitos Humanos
Ver comentários