Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Estado Islâmico executa 21 cristãos egípcios

Jihadistas divulgam novo vídeo.
15 de Fevereiro de 2015 às 21:42
Terroristas executaram reféns em praia mediterrânica da Líbia, às portas da Europa
Terroristas executaram reféns em praia mediterrânica da Líbia, às portas da Europa FOTO: Reuters TV

O grupo radical Estado Islâmico difundiu este domingo um vídeo no qual se mostra a execução por decapitação de 21 cristãos coptas egípcios que tinham sido raptados na Líbia, de acordo com a agência francesa AFP.




















Terroristas levam reféns para o local da execução (Foto: Reuters TV)

Nas imagens publicadas em páginas na Internet utilizadas pelo EI, os homens usam vestes cor de laranja, similares àquelas que outros reféns executados por este grupo radical islâmico usavam.

Os cristãos coptas egípcios executados aparecem nas imagens alinhados, numa praia em Tripoli, com as mãos algemadas atrás das costas, junto dos raptores vestidos de negro. Na última edição da sua revista 'online' Dabiq, o EI anunciava ter feito reféns 21 egípcios coptas.




















Vídeo dos reféns com a legenda: "As pessoas da Cruz, seguidores da hostil Igreja Egípcia" (Foto:Reuters TV)


No vídeo agora divulgado, intitulado "Uma mensagem assinada com sangue para a nação da cruz", há uma legenda nos primeiros segundos que refere que o vídeo é dirigido às "pessoas da cruz, seguidores da igreja egípcia hostil".

O vídeo surge apenas alguns dias depois de outro em que o EI mostrava a morte por imolação de um piloto jordano capturado após o seu F-16 ter sido abatido na Síria, em dezembro. As imagens do piloto a ser queimado vivo desencadearam uma contestação global.



















Prisioneiros foram executados numa praia em Tripoli, capital da Líbia (Foto:Reuters TV)

jihadistas estado islâmico execução
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)