Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Estudo revela que dose única da vacina da Pfizer contra a Covid-19 reduz mortalidade em 72%

Pesquisa mostrou ainda uma eficácia de 94% na toma da segunda dose.
Correio da Manhã 25 de Fevereiro de 2021 às 18:03
Vacina contra a Covid-19
Vacina contra a Covid-19 FOTO: Getty Images

Um estudo sobre vacinação em massa contra a Covid-19, em Israel, mostrou uma redução de 72% nos números de mortalidade, naqueles que receberam a primeira dose da vacina Pfizer-BioNTech.

Os dados foram comprovados através de uma análise, realizada por especialistas de um Instituto de Pesquisa Israelita, que representa uma maior evidência até ao momento sobre a eficácia e segurança da vacina. A pesquisa mostrou também que a vacina Pfizer é 94% eficaz semanas após a aplicação das duas doses.

De acordo com estes novos resultados, os internamentos por Covid-19, entre aqueles que já receberam a toma de uma dose da vacina, reduziram 74% após 14 dias de administração, enquanto que os casos graves também baixaram 62%.

Por outro lado e segundo a Reuters, os especialistas também apresentaram informações detalhadas sobre a eficácia da vacina em pacientes que receberam as duas doses. Os resultados mostraram uma queda de 87% nos internamentos devido à doença e a diminuição no número geral de novas infeções neste grupo foi de 92%.

O estudo foi realizado com os dados de cerca de 1,2 milhões de pessoas, numa das maiores organizações de saúde do país, a Clalit Health Services, entre o dia 20 de dezembro do ano passado e o dia 1 deste mês, numa altura em que 80% dos casos de covid-19, em Israel, tinham origem na variante britânica, associada a um maior risco de transmissão.

No primeiro mês da campanha de vacinação, 25% dos cidadãos israelitas já tinham recebido, pelo menos, a primeira dose, avança a Reuters.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Covid-19 Reuters Pfizer Israel Pfizer-BioNTech saúde Eficácia vacina estudo
Ver comentários