Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

EUA e Rússia assinaram memorando

Para impedir incidentes entre os aviões dos dois países no espaço aéreo sírio.
20 de Outubro de 2015 às 20:46
Não houve incidentes entre os aviões dos dois países até ao momento
Não houve incidentes entre os aviões dos dois países até ao momento FOTO: Getty Images

A Rússia e os Estados Unidos assinaram esta terça-feira um memorando para impedir incidentes entre os aviões dos dois países no espaço aéreo sírio, anunciou o vice-ministro da Defesa russo, Anatoli Antonov, citado pela agência de notícias russa.

"O memorando contém um número de regras e de restrições que visam impedir incidentes entre os aviões russos e norte-americanos" que efetuem, no quadro de operações diferenciadas, ataques aéreos contra o grupo Estado Islâmico (EI) na Síria, declarou Antonov, citado pela agência pública Ria-Novosti.

A coligação de cerca de sessenta países, liderada pelos Estados Unidos, iniciou os ataques aéreos contra o grupo radical Estado Islâmico na Síria em setembro de 2014, poucas semanas depois, começaram a atuar também no Iraque.

Os russos começaram os seus bombardeamentos a 30 de setembro passado, no âmbito de outra operação militar.

A Rússia diz que também terá como alvo o EI e outros grupos "terroristas", mas o Pentágono argumenta que os russos visam inclusivamente os rebeldes que lutam contra as forças leais ao Presidente sírio, Bashar al-Assad, aliado da Rússia e do Irão.

Até ao momento, não houve incidentes entre os aviões dos dois países.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)