Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

EUA: Rainha do wrestling candidata a senadora

A empresária norte-americana Linda McMahon, ex-presidente da World Wrestling Entertainment - que dirigiu ao lado do seu marido, Vince McMahon, durante três décadas - venceu na noite de terça-feira as primárias do Partido Republicano e irá agora enfrentar o candidato democrata para um lugar no Senado dos EUA a representar o estado do Connecticut.
11 de Agosto de 2010 às 13:40
Ex-presidente da WWE durante uma acção de campanha
Ex-presidente da WWE durante uma acção de campanha FOTO: D.R.

Linda McMahon terá gasto 50 milhões de dólares (38 milhões de euros) da sua fortuna na campanha para assegurar a nomeação pelo Partido Republicano mas para chegar a senadora terá de enfrentar maiores dificuldades do que os lutadores de wrestling da WWE, cujos combates são vistos por milhões de telespectadores em todo o Mundo.

O Connecticut é um estado tradicionalmente democrata e o adversário da empresária de 61 anos é o actual procurador-geral Richard Blumenthal, que tem contra si o facto de ter mentido acerca da sua participação na Guerra do Vietname.

No improvável caso de Linda McMahon vencer em Novembro - as sondagens mais recentes indicam que está dez pontos percentuais atrás do rival democrata - será a segunda vez que uma figura ligada ao wrestling consegue um lugar de topo na política dos EUA: o ex-lutador profissional Jesse Ventura foi eleito governador do Minnesota em 1998 apesar de se apresentar como independente.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)