Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

EUA conseguiram controlar o Estado Islâmico

Obama falava numa entrevista ao canal de televisão ABC News.
13 de Novembro de 2015 às 16:40
O presidente dos EUA, Barack Obama
O presidente dos EUA, Barack Obama FOTO: Reuters
Os Estados Unidos conseguiram travar o avanço do grupo extremista Estado Islâmico, afirmou esta sexta-feira o presidente norte-americano, Barack Obama, defendendo uma intensificação dos esforços para "decapitar completamente" as estruturas de comando e controlo dos 'jihadistas'.

Obama falava numa entrevista ao canal de televisão ABC News, gravada na Casa Branca na quinta-feira, horas depois do lançamento de uma ofensiva das forças curdas iraquianas, apoiadas por aviões de combate norte-americanos, para expulsar o Estado Islâmico da cidade de Sinjar, no norte do Iraque.

"Não me parece que eles estejam a ganhar força", disse Obama. "Desde o princípio, o nosso objetivo foi primeiro conter, e conseguimos contê-los, eles não têm ganho terreno no Iraque", acrescentou.

"E na Síria, eles entram e saem, mas não vemos uma marcha sistemática do ISIS no terreno", disse, utilizando um outro acrónimo para designar o grupo extremista.

O ataque foi em Raqa, bastião na Síria do Estado Islâmico, que controla vastas áreas tanto no Iraque como na Síria.
Estado Islâmico Estado Islâmico Barack Obama distúrbios guerras e conflitos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)