Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Explosão mata dois soldados da NATO

Dois soldados da missão da NATO no Afeganistão morreram na sequência da explosão de um engenho no leste do país, informou esta segunda-feira a Aliança Atlântica.
23 de Setembro de 2013 às 09:15

Em comunicado, o organismo indicou apenas que o incidente teve lugar no domingo, sem facultar detalhes sobre o local concreto da explosão ou a nacionalidade das vítimas.

Os engenhos explosivos colocados na berma das estradas constituem um dos métodos mais utilizados pelos rebeldes talibãs nos ataques contra forças afegãs e internacionais.

No sábado, três soldados norte-americanos da Isaf (Força Internacional de Assistência à Segurança) morreram num ataque levado a cabo por um indivíduo que envergava um uniforme das forças de segurança afegãs e que abriu fogo contra os militares.

Este ano morreram em solo afegão 129 soldados da NATO, segundo dados do portal independente iCasualties.org.

O número de soldados da missão Isaf mortos nos primeiros seis meses do ano foi de 95, menos 57% do que no período homólogo de 2012, uma tendência que vários analistas têm atribuído à passagem da segurança do país para as tropas afegãs.

A Isaf iniciou em 2011 uma retirada gradual das tropas no Afeganistão e a transferência da responsabilidade da segurança para a polícia e exército afegãos.

Este processo deve ser concluído no próximo ano, se forem cumpridos os prazos previstos, ainda que atualmente Cabul, Estados Unidos e outros importantes atores da comunidade internacional discutam a presença militar que deverá permanecer no país asiático depois de 2014.

nato explosão morte óbito soldados
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)