Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Explosão na Áustria leva Itália a declarar estado de emergência por falta de gás

Gasoduto que trazia gás natural da Rússia abastece vários países europeus.
José Carlos Marques 12 de Dezembro de 2017 às 17:01
Explosão em central de gás natural de Baumgarten, na Áustria
Explosão em central de gás natural de Baumgarten, na Áustria
Explosão em central de gás natural na Áustria
Explosão na Áustria
Explosão na Áustria
Explosão em central de gás natural de Baumgarten, na Áustria
Explosão em central de gás natural de Baumgarten, na Áustria
Explosão em central de gás natural na Áustria
Explosão na Áustria
Explosão na Áustria
Explosão em central de gás natural de Baumgarten, na Áustria
Explosão em central de gás natural de Baumgarten, na Áustria
Explosão em central de gás natural na Áustria
Explosão na Áustria
Explosão na Áustria

O Governo italiano declarou esta terça-feira o estado de emergência devido à rutura do abastecimento de gás natural. A explosão que se verificou na central de distribuição de gás de Baumgarten, na Áustria - que fez um morto e perto de duas dezenas de feridos - levou ao corte no abastecimento a Itália.

O gás, oriundo da Rússia, chega a vários países da Europa - França, Alemanha, Croácia, Eslovénia e estados da Europa de Leste. A explosão na Áustria afeta especialmente a Itália, que não tem, ainda, nenhuma fonte alternativa de abastecimento.

Carlos Calenda, ministro do Desenvolvimento Económico, lamentou que ainda não esteja concluído o projeto do TAP, o gasoduto trans-adriático que vai trazer ao país gás oriundo do Azerbaijão.

"Temos um problema sério com uma grande concentração do fornecimento na Rússia. O gasoduto TAP serve para isto, se o tivéssemos de declararíamos o estado de emergência", cita o jornal La Reppublica. O projeto do novo gasotudo, que envolve a Grécia e a Albânia, tem sido muito criticado em Itália, sobretudo pelos ambientalistas.

itália gás explosão gás natural
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)