Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Filho de Kadhafi não teve medo no momento da detenção

Seif al-Islam, filho do antigo dirigente líbio Muammar Kadhafi, "não teve medo no momento da sua detenção", descreveu este domingo à agência France Presse um dos combatentes que participou na sua captura.
20 de Novembro de 2011 às 14:22
Seif foi detido no sábado na região de Obari, 800 quilómetros a sul de Tripoli
Seif foi detido no sábado na região de Obari, 800 quilómetros a sul de Tripoli FOTO: d.r.

"Nós surpreendemo-los, eles não tiveram tempo para resistir", disse Ahmed Amer, acrescentando que Seif e os cinco homens que o acompanhavam tinham poucas armas: "[metralhadoras] Kalashnikov, pistolas automáticas e algumas granadas".

O filho mais influente de Kadhafi e os seus acompanhantes "tiveram medo no início", quando os combatentes dispararam sobre eles, relatou, sublinhando que "há que reconhecer que Seif al-Islam" demonstrou uma "calma e coragem" surpreendentes. "Não teve verdadeiramente medo", afirmou Ahmed Amer.

"Ele pediu-nos que o alvejássemos na cabeça ou que o levássemos para Zintan", uma cidade situada a 170 quilómetros a sudoeste de Trípoli, capital da Líbia. "A nossa missão terminou ali. Agora ele está detido em Zintan e devemos esperar o novo Governo [em processo de formação] para decidir o seu destino", acrescentou. Mas para já parece certo que o filho de Kadhafi será julgado na Líbia.

Seif foi detido no sábado na região de Obari, 800 quilómetros a sul de Tripoli, por uma brigada de combatentes da cidade de Zintan.

Seif al-Islam Kadhafi Líbia Tripoli preso
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)