Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Gang ataca criança de quatro anos em parque infantil

Menino foi atingido no rosto com maçãs e teve de ser assistido.
Daniela Espírito Santo 29 de Julho de 2017 às 12:57
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Mãe da criança atingida com maçãs partilhou imagens dos ferimentos do filho no Facebook
Um gang de adolescentes atacou um menino de quatro anos num parque infantil em Inglaterra. A criança teve de ser levada para o hospital com ferimentos num olho, depois de ser atingida com maçãs.

O ataque aconteceu quando o menino, chamado Corey, brincava com a irmã, de sete anos, e dois primos, também menores, num parque infantil em Warwickshire, esta semana. 

Segundo relata a mãe aos jornais britânicos, um grupo de quatro adolescente resolveu atirar maçãs à criança. "As crianças começaram a correr para casa a chorar e havia sangue a escorrer da cara do Corey. Eles contaram-nos que foram embuscados pelos adolescentes, que teriam entre 12 e 14 anos", relata, adiantando que, na altura do incidente, estava em casa da irmã, mesmo ao lado, a fazer chá. 

"Pelos vistos eles tinham apanhado as maçãs de uma árvore de lá e estavam mesmo a tentar acertar-lhes. Quando o Corey foi atingido eles fugiram e eu já não os encontrei mais no parque", adianta a mãe, de 29 anos. 

A mãe fez queixa do sucedido às autoridades e decidiu partilhar imagens da criança no Facebook, para tentar encontrar os culpados. 

No entanto, acabou por ser criticada por deixar o filho sozinho no parque. "Os serviços sociais disseram que eu sou má mãe por deixar o Corey no parque. Acho isso terrível porque estive 15 segundos na casa da minha irmã. Só queria que ele tivesse a infância livre que eu tive", admite. 

"Ele estava com o primo de 10 anos, que é muito responsável. Já reportei o incidente à polícia. Agora, só espero que eles sejam apanhados. O Corey podia ter ficado cego", remata a mãe, citada pelo jornal britânico Metro.

A polícia de Warwickshire já deixou um alerta também no Facebook. 

Inglaterra Corey Warwickshire Facebook Metro questões sociais crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)