Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Governo anuncia saída de ‘eixo do mal’

Uma fonte do Ministério norte-coreano dos Negócios Estrangeiros divulgou hoje que o país deixou de estar na lista negra dos Estados Unidos dos países que apoiam o terrorismo.
3 de Setembro de 2007 às 12:18
O anúncio ocorre poucos dias depois da Coreia do Norte, um dos países mais pobres e fechados do Mundo, ter renunciado ao seu programa nuclear, nomeadamente de cariz militar e aberto o seu acesso às inspecções internacionais.
Desde 2002 que o país estava na lista negra de países que os Estados Unidos de Georges W. Bush consideravam apoiar o terrorismo, a par do Iraque e do Irão, no chamado ‘eixo do mal’.
Segundo os analistas, a renúncia do programa militar nuclear norte-coreano e a saída deste país asiático das ‘más graças’ dos norte-americanos, vem restabelecer o equilíbrio na zona, nomeadamente na correlação de forças com a China, o Japão e a Coreia do Sul.
Para a Coreia do Norte, este acordo tem consequências positivas políticas e económicas, já que termina com o crescente isolamento que a administração de Pyongyang sofria desde há vários anos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)