Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

GOVERNO DA COREIA DO SUL DEMITE-SE

O governo da Coreia do Sul, liderado pelo primeiro-ministro Goh Kun, apresentou a sua demissão ao Presidente Roh Moo-hyun, que rejeitou o abandono do elenco, justificando a necessidade de manter a estabilidade na Administração.
11 de Outubro de 2003 às 13:12
O Executivo sul-coreano apresentou a sua demissão, este domingo, depois do Presidente ter anunciado, ontem, a intenção de organizar um referendo sobre a sua popularidade como chefe de Estado, antes das eleições parlamentares, marcadas para Abril.
Segundo os media locais, o Presidente revelou sentir-se responsável pelo escândalo que afecta alguns membros do Governo. Em causa está o alegado envolvimento destes membros em financiamentos ilícitos ao conglomerado SK Group.
O Presidente recusou a demissão em bloco do governo, defendendo que ainda mantém a confiança noo Executivo, liderado por Goh Kun, para conduzir os assuntos de Estado enquanto ele renova o seu mandato.
Ver comentários