Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Greenpeace põe fim à ligação entre Lego e Shell

A procura de petróleo no Ártico é a razão para o fim entre a petrolífera e a maior produtora de brinquedos do mundo.
J.F. 10 de Outubro de 2014 às 16:41
As estações de combustível Shell vão deixar de vender Lego. Tudo por causa deste vídeo da Greenpeace sobre a exploração petrolífera no Ártico.

As estações de combustível Shell vão deixar de vender Lego. Tudo por causa da associação ambientalista Greenpeace e do Ártico.

A Shell foi atacada por causa dos planos de perfuração que a petrolífera tem para procurar petróleo no Ártico. E após a divulgação de um vídeo no Youyube, intitulado ‘Everything is not Awesome’ (Tudo é não Fantástico, em referência à música ‘Everything is Awesome’ do filme Lego), conseguiram pôr fim à ligação que existe há mais de 50 anos entre a Lego e a Shell.

O vídeo, lançado em julho e que já teve mais de 6 milhões de visualizações, recria um cenário ártico com 120 kg de peças Lego a ser inundado por petróleo.


Inicialmente, a empresa dinamarquesa recusou as críticas e afirmou que a Greenpeace devia dirigir o ataque para a Shell, pois estava satisfeita com o longo acordo que existe desde a década de 1960, entre as duas empresas, que já permitiu a milhões de crianças ter acesso aos bonecos e veículos Lego vendidos nas estações de combustível em 26 países.

Segundo o jornal inglês The Guardian, a Lego mudou de ideias este mês. O líder da empresa anunciou que "como as coisas estão, não vamos renovar o contrato com a Shell quando o presente contrato (iniciado em 2011) terminar".

Para a Greenpeace, este ato marca um novo rumo que mais marcas devem seguir. "As pessoas pensavam que a parceria entre as duas companhias era completamente inapropriada. Uma fabricante de brinquedos com uma petrolífera… O seu fim é um sinal de que há mudanças no horizonte", disse John Sauven, diretor executivo da Greenpeace do Reino Unido que pediu para o fim de ainda mais parcerias, como é o caso do Museu da Ciência de Londres que tem uma exibição sobre os efeitos do aquecimento global no planeta patrocinada pela Shell.

Lego Shell Greenpeace petróleo ambiente brinquedos John Sauven Museu da Ciência de Londres
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)