Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Guterres diz que o tempo está a esgotar-se para atender ao à emergência climática mundial

"A emergência climática é uma corrida que estamos a perder mas que ainda podemos ganhar", disse o secretário-geral da ONU.
Lusa 23 de Setembro de 2019 às 16:56
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres
António Guterres

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, afirmou esta segunda-feira que "ainda não é demasiado tarde" para atender ao que considera a emergência climática mundial, mas advertiu que o tempo está a esgotar-se.

"A emergência climática é uma corrida que estamos a perder mas que ainda podemos ganhar. A crise climática é provocada por nós e as soluções devem vir de nós. Temos as ferramentas: a tecnologia está do nosso lado", afirmou o português perante dezenas de líderes internacionais ao abrir a Cimeira da Ação Climática, que decorre esta segunda-feira na sede da ONU.

António Guterres frisou que a cimeira desta segunda-feira não é para discursos nem negociações, mas para ação, com compromissos concretos.

António Guterres ambiente aquecimento global política organizações internacionais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)