Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Hillary Clinton trocou emails com fundador do WikiLeaks

Publicados novos 'emails' de Hillary Clinton.
1 de Setembro de 2015 às 08:26
A candidata à presidência dos EUa, Hillary Clinton
A candidata à presidência dos EUa, Hillary Clinton FOTO: Reuters

O Departamento de Estado norte-americano publicou na segunda-feira 7.000 páginas de correio eletrónico enviadas ou recebidas por Hillary Clinton, durante o mandato de secretária de Estado (2009-2013), incluindo um enviado ao fundador do WikiLeaks, Julian Assange.

O novo pacote consiste em 4.368 'e-mails' em cerca de 7.000 páginas, o maior número publicado até à data, e inclui cerca de 150 mensagens eletrónicas parcialmente censuradas, já que contêm informação que foi classificada durante a revisão das mesmas para publicação.

Embora a maior parte se trate de 'emails' de rotina que a ex-secretária de Estado e atual aspirante à nomeação democrata para as eleições presidenciais de 2016 trocava com assistentes e funcionários, há uma mensagem recebida a 27 de novembro de 2010 e dirigida ao fundador do WikiLeaks.

A mensagem foi enviada por Harold Hongju Koh, então assessor legal do departamento de Estado, à advogada de Julian Assange, Jennifer Robinson, com cópia para Clinton.

No 'email', Koh dirige-se a Robinson e a Assange em referência à possível publicação de 250.000 documentos classificados do Governo dos Estados Unidos na posse da WikiLeaks.

"Apesar do desejo expresso de proteger as vidas (de jornalistas, ativistas dos direitos humanos, autores de blogues e soldados), fez o contrário e colocou em perigo as vidas de vários indivíduos", disse o funcionário a Assange.

Departamento de Estado Hillary Clinton WikiLeaks defesa espionagem emails
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)