Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Homem ilibado após 27 anos de prisão

Um britânico preso pela violação e assassínio de uma mulher em 1979 foi libertado esta quarta-feira, depois de um tribunal de recurso determinar que não havia provas para determinar a sua culpa no caso.
18 de Março de 2009 às 17:16

Sean Hodgson passou os últimos 27 anos na prisão pela morte de Teresa de Simone, encontrada estrangulada no seu carro em Southampton, em Dezembro de 1979.

Exames recentes demonstraram que o ADN encontrado na cena do crime não era de Hodgson, e a polícia reabriu a investigação.

O corpo da vítima, que também foi violada, foi encontrado parcialmente despido no banco de trás do seu carro, no estacionamento do bar em que trabalhava. Segundo um dos juízes, as amostras de esperma recolhidas na cena do crime provaram ser de outra pessoa em recentes exames de ADN.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)