Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Homem recusa dar lugar no autocarro a mulher grávida e dá justificação que gera revolta

Alguns passageiros revoltaram-se com a atitude do homem.
Correio da Manhã 15 de Maio de 2021 às 10:50
Grávida
Grávida FOTO: Getty Images

Um homem foi criticado após ter recusado ceder o lugar no autocarro a uma mulher grávida, argumentando que a culpa da mulher estar grávida não é sua.

O homem, citado pelo The Daily Mirror, contou que o seu trabalho o obriga a permanecer em pé durante as 10 horas de trabalho e que valoriza realmente o tempo que vai sentado no autocarro até casa, uma vez que depois da paragem ainda tem 20 minutos de caminhada pela frente. 

Alguns passageiros revoltaram-se com a atitude do homem, mas este acabou por defender a sua posição.

No 'Reddit', o homem contou que a mulher o abordou, mas este recusou justificando-se com o facto dos seus pés estarem doridos.

Com a atitude do homem, a mulher começou a chorar dizendo que era mãe solteira, ao qual este lhe respondeu que foi uma escolha pessoal.

O homem partilhou publicamente a história na esperança de encontrar apoio, mas as opiniões dividiram-se com alguns internautas a concordarem que o homem não tinha feito nada de errado e outros que criticaram fortemente a atitude. 

questões sociais autocarro grávidez
Ver comentários