Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Homens armados matam 17 cristãos na Nigéria

Homens armados dispararam esta sexta-feira sobre um grupo de cristãos em luto matando 17 pessoas no nordeste da Nigéria, no estado de Adamawa, segundo testemunhas.
6 de Janeiro de 2012 às 18:09

Um habitante da localidade de Mubi, onde ocorreu o ataque, disse que os cristãos atacados estavam reunidos numa casa para fazer o luto de cinco pessoas mortas na véspera num outro ataque.   

"Infelizmente, homens não identificados chegaram e abateram 17 pessoas", disse a testemunha, Zubairu Abdulaziz.  

Outras testemunhas contaram versões semelhantes.  

Este foi o mais recente ataque contra cristãos na Nigéria e ocorreu depois de um porta-voz da seita islâmica Boko Haram ter ameaçado começar a visar especificamente cristãos do norte muçulmano do país.  

A seita, cujo nome significa "a educação ocidental é sacrilégio" na língua local (hausa), é considerada responsável por pelo menos 510 assassínios.  

A Boko Haram reivindicou um ataque à bomba a uma igreja cristã no dia de Natal que matou 42 pessoas perto de Abuja e de um ataque com uma viatura armadilhada junto da sede da ONU na capital que em agosto matou 25 pessoas e feriu mais de 100.  

nigéria cristãos homicídio assassinato confrontos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)