Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Homens armados atacam polícias no Quénia

Oito polícias morreram durante ataque e pelo menos 12 continuam desaparecidos.
2 de Novembro de 2014 às 10:28
Bandidos terão disparado contra 20 agentes da polícia
Bandidos terão disparado contra 20 agentes da polícia FOTO: Getty Images

Pelo menos oito polícias quenianos morreram durante um ataque de homens armados no condado de Turkana, no interior do país, enquanto outros 12 continuam desaparecidos, informou a polícia num comunicado emitido pelos meios de comunicação locais. 

No ataque morreram dois civis que acompanhavam os agentes, segundo o porta-voz policial, Masoud Mwinyi.Os bandidos terão disparado na sexta-feira contra os 20 agentes da polícia e reservistas, entre as localidades de Kapedo e Lokori, numa área remota que nas últimas semanas tem estado cercada por atacantes da etnia Pokot.

Trata-se de um dos piores massacres policiais registado no Quénia desde a matança de 42 agentes em Baragoi, em novembro de 2012.

Nesta região são frequentes os confrontes entre clãs das etnias Turkana e Pokot por disputas territoriais e pelos recursos naturais e gado, mas normalmente a violência afeta apenas os membros das comunidades

Quénia polícia ataque
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)