Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Homicida apanhado 30 anos depois dos crimes após primos enviarem ADN para site de genealogia

William Talbott tinha 24 anos quando violou, espancou e matou um casal de 18 e 20 anos.
Correio da Manhã 8 de Setembro de 2019 às 18:34
Jay Cook
Tanya Van Cuylenborg
Jay Cook
Tanya Van Cuylenborg
Jay Cook
Tanya Van Cuylenborg

Tanya Van Cuylenborg, de 18 anos, e o seu namorado Jay Cook, de 20 anos, entraram numa autocaravana, emprestada pelo pai de Jay, em novembro de 1987. 

O casal, que se conheceu no ensino secundário e namorava há seis meses, partiu para uma viagem cujo desfecho as famílias nunca esperaram. 

O pai de Jay precisava de ir a Seattle, em Washington, buscar uns materiais para o seu negócio. O jovem decidiu voluntariar-se e convidar a namorada. Dessa forma fariam uma viagem de Saanich, uma cidade da província canadense da Colúmbia Britânica, até Seattle e podiam passar algum tempo juntos. 

Após darem início à viagem, o casal desapareceu sem deixar rasto. Mais tarde, o corpo de Tanya foi encontrado numa vala na zona rural de Skagit County, no norte de Seattle.

A mulher estava nua da cintura para baixo, tinha sido violada, e levou um tiro na parte de trás da cabeça. Inicialmente pensou-se que o assassino seria Jay, facto que as famílias negaram fortemente, mas mais tarde veio a confirmar-se que Jay também tinha sido vítima. 

No dia seguinte, os investigadores encontraram o corpo de Jay, perto de uma ponte sobre o rio Snoqualmie, em Monroe, a 100 quilómetros de onde Tanya fora encontrada. Foi ainda encontrada a autocaravana que continha as calças de Tanya e sémen. 

Os investigadores conseguiram através do sémen recolhido ter ADN do violador, no entanto, durante 30 anos o homem nunca foi encontrado. 

O caso foi reaberto quando os investigadores, em conjunsto com uma empresa privada, trabalharam para localizar ADN deixado nos locais do crime. 

Foi através de dois primos que William Talbott foi apanhado. Estes dois familiares tinham enviado as suas informações genéticas para um banco de dados público chamado GEDMatch. Estes sites ajudam as pessoas a construir árvores genealógicas e a traçar as suas raízes ancestrais através do ADN compartilhado, uma prática conhecida como genealogia genética. 

Recentemente, os departamentos de polícia e o FBI - 
Departamento federal de investigação - começaram a usar o método para encontrar suspeitos que nunca tinham sido apanhados. 

A genealogia genética já foi usada para desenterrar dezenas de casos conhecido por serem "casos frios". No entanto, esta foi a primeira vez que foi usada em tribunal e resultou na condenação do suspeito. 

William Talbott tinha 24 anos quando violou Tanya, espancou Jay e posteriormente mtou o casal. 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)