Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Honduras: Mortos em confrontos

Os confrontos no aeroporto de Tegucigalpa entre apoiantes de Manuel Zelaya, o presidente deposto das Honduras, e as forças de segurança já causaram a morte a pelo menos duas pessoas e ferimentos noutras duas.
6 de Julho de 2009 às 01:10
Manuel Zelaya foi deposto há uma semana
Manuel Zelaya foi deposto há uma semana FOTO: d.r.

De acordo com o comissário da polícia Mendoza, os manifestantes morreram na sequência de disparos do exército. Os confrontos começaram durante a tarde e as forças de segurança usaram gás lacrimogéneo para dispersar os manifestantes que tentaram invadir as pistas do aeroporto.

Manuel Zelaya partiu domingo de Washington com destino à capital hondurenha, mas o avião em que seguia não conseguiu aterrar devido a vários obstáculos que estavam colocados na pista.

O presidente deposto há uma semana apelou aos militares que o deixassem em aterrar 'em nome de Deus, em nome do meu povo, em nome da Justiça', mas o pedido foi ignorado. Manuel Zelaya deve agora dirigir-se para El Salvador.

Ver comentários