Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Iémen: Presidente regressou ao país

O presidente do Iémen, Ali Abdallah Saleh, regressou a Sanaa depois de ter assinado o acordo de paz e de transição política com a oposição governamental.
27 de Novembro de 2011 às 10:36
Regresso do presidente aconteceu depois da publicação do decreto que marca para 21 de Fevereiro as eleições presidenciais antecipadas do país
Regresso do presidente aconteceu depois da publicação do decreto que marca para 21 de Fevereiro as eleições presidenciais antecipadas do país FOTO: EPA

O regresso do presidente aconteceu depois da publicação do decreto que marca para 21 de Fevereiro as eleições presidenciais antecipadas do país.

A convocação de eleições antecipadas, cujo decreto foi publicado sábado, acontece alguns dias depois de Ali Abdallah Saleh ter cedido às pressões internacionais para assinar um acordo de paz com a oposição iemenita.

O decreto foi assinado pelo vice-presidente Abd Rabbo Mansour Hadi, que assumiu provisoriamente os comandos do país depois de Saleh ter assinado em Riade, no passado dia 23, um acordo de transição de poder, numa cerimónia que contou com a presença do rei saudita, Abdallah Ben Abdel Aziz.

As eleições presidenciais estavam inicialmente previstas para 2013.

A data de 21 de fevereiro coincide com o fim do período de transição de 90 dias previsto no acordo.

No poder há 33 anos, Saleh é contestado nas ruas desde finais de janeiro e acusado de corrupção e nepotismo.

Saleh recusava-se desde Abril a assinar o acordo negociado pelas monarquias do Golfo.

iémen presidente abdallah saleh sanaa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)