Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Interpol ordena prisão de Kadhafi

A Interpol emitiu ontem um mandado de captura para o deposto líder líbio, Muammar Kadhafi, o filho Saif Al-islam e o cunhado Abdulah al-Senusi, ex-director da secreta militar do regime.
10 de Setembro de 2011 às 00:30
No terreno, os rebeldes atacam os últimos bastiões de Kadhafi
No terreno, os rebeldes atacam os últimos bastiões de Kadhafi FOTO: Esam Omran Al-Fetori/Reuters

A ordem de detenção foi emitida a pedido procurador-chefe do Tribunal Penal Internacional (TPI), Luis Moreno Ocampo, que accionou um ‘aviso vermelho’ visando a detenção do ditador por alegados crimes contra a Humanidade.

Na notificação, enviada a todos os 188 países membros da Interpol, incluem-se dados de identificação e informação judicial dos três suspeitos, o que "restringirá de modo significativo a sua capacidade de cruzar fronteiras internacionais", segundo o secretário-geral da Interpol, Ronald K. Noble, que acrescentou: "[O mandado de captura] é uma importante ferramenta para ajudar na sua localização e captura".

Entretanto, as forças rebeldes anunciaram ontem que tinham entrado em Bani Walid, um dos últimos bastiões de Muammar Kadhafi, onde travavam intensos combates.

LÍBIA KADHAFI TRIBUNAL INTERPOL
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)