Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Irmãos e pai do principal suspeito dos ataques no Sri Lanka morreram em tiroteio no leste do país

Pelo menos 15 corpos foram encontrados na operação militar decorrente do tiroteio.
28 de Abril de 2019 às 09:26
Explosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
O pai e dois irmãos do suposto autor dos ataques no Sri Lanka no domingo de Páscoa foram mortos depois de forças de segurança terem invadido a sua casa esta sexta-feira, disseram fontes policiais e um familiar do suspeito à Reuters este domingo.

Zainee Hashim, Rilwan Hashim e o pai Mohamed Hashim, vistou num vídeo nas redes sociais a pedir guerra total contra os não-crentes, estão entre os 15 mortos que resultaram do tiroteio realizado no leste do país na sexta-feira

Niyaz Sharif, cunhado de Zahran Hashim, líder dos atentados que mataram mais de 250 pessoas em igrejas e hotéis do país, disse à Reuters que o vídeo mostra os dois irmãos e o pai de Zahran Hashim.

Três das 15 pessoas mortas eram as mesmas pessoas que foram vistas no vídeo.
O Sri Lanka está em alerta máximo desde os ataques no domingo de Páscoa, com quase 10 mil soldados espalhados pela ilha para realizar buscas e perseguir membros de dois grupos islâmicos locais que supostamente realizaram o ataque.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)